Páginas

segunda-feira, 9 de fevereiro de 2015

E qual será o futuro do trabalho?

Por Sandra Elisabeth

A notícia de capa da revista Exame de 29 de janeiro de 2015 diz: "Homem versus máquina: o avanço tecnológico está tornando muitas profissões obsoletas e milhões de trabalhadores correm o risco de ser substituído por máquinas. [...]". E finalizam com a seguinte pergunta: "Qual o futuro do trabalho?".

Bem esta pergunta não é simples de responder quando partimos a discussão do trabalho - como o conhecemos hoje; mas se torna de simples resposta quando a respondemos com a visão do empreendedor.

Explico: de acordo com dados do SEBRAE, nosso país é composto por mais de 90% de pequenas, micros e médias empresas; sendo a maior parte pequenas e micro. Assim, dificilmente esse "dono de empresa" irá 'perder' seu emprego para uma máquina. Na verdade, ele será auxiliado pela tecnologia para que consiga faturar mais em seu dia a dia.

Já as grandes empresas, já têm investido em tecnologia de ponta a muito tempo para melhorarem a competitividade!

O que isto significa para os jovens que ainda estão estudando?

Que o emprego tradicional, como conhecíamos está mudando. Cada vez mais a tecnologia irá facilitar nossas vidas e nos oferecer o ócio criativo que tanto os filósofos do século passado falavam.

Irá se destacar no mercado quem melhor souber ocupar seu ócio criativo, analisando oportunidades e criando produtos e serviços inovadores.

Sendo assim, acredito que no futuro o trabalho será muito mais produtivo, lucrativo e nos oferecerá muito mais tempo para pensarmos 'fora da caixa'.

E você, o que tem feito hoje para aproveitar esta oportunidade e viver do seu trabalho criativo?!